segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Os versos que eu fiz ...

Bem mais que o tempo que nos perdemos
Ficou pra trás também o que nos juntou.
Ainda lembro o que eu estava lendo
Só pra saber do que você achou
Dos versos que eu fiz, e ainda espero resposta



Desfaz o vento
O que há por dentro
Desse lugar que ninguém mais pisou
Você está vendo o que está acontecendo
Nesse caderno sei que ainda estão


Os versos seus
Tão meus que peço
Nos versos meus
Tão seus que esperem
Que os aceite em paz
Eu digo que eu sou
O antigo do que vai adiante
Sem mais eu fico onde estou
Prefiro continuar distante


Nenhum comentário:

Postar um comentário