quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Um branco, um xis, um zero!


  Não me lembro bem da sua cara
Qual a cor dos olhos, já nem sei
Só o cheiro do seu cheiro
Não quer me deixar mais em paz
Nos ares dos lugares
Onde passo e onde nunca estás
Já passei um pano um branco, um zero, um xis
Um traço, um tempo, já passei
Só o cheiro do seu cheiro
Não consigo deixar para trás
Impregnado o dia inteiro
Nessa roupa que eu não tiro mais ♪

2 comentários:

  1. Bela canção Gabi!

    A poesia na canção é sempre bela...

    Bjs no coração

    Mila

    ResponderExcluir
  2. Cassia será para sempre Cassia, ninguém substitui!

    ResponderExcluir